COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

Conflitos

Covas são deixadas como ameaça a jurados de morte por madeireiros no Pará

Covas são deixadas como ameaça a jurados de morte por madeireiros no Pará

Osvalinda e Daniel Pereira são ameaçados, há mais de seis anos, por madeireiros e latifundiários da região de Trairão, município do Oeste do Pará. Após acordar, neste domingo (20), Osvalinda foi colher maracujá e encontrou, dentro de seu terreno, duas covas, com cruzes cravadas nelas. Uma para ela, outra para seu marido.

Leia mais: