COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

Conflitos

Maior massacre no campo das últimas décadas completa 1 ano

Maior massacre no campo das últimas décadas completa 1 ano

Passaram-se 365 dias desde o Massacre de Pau D’Arco, no estado do Pará. 17 policiais civis e militares foram presos, soltos, presos e, agora, podem ser liberados a qualquer momento novamente. Investigação da PF sobre possíveis mandantes está em andamento. Delação premiada homologada. E individualização de conduta de réus permitiu avanço do caso.

Leia mais:

NOTA PÚBLICA: Um ano do Massacre de Pau D’Arco (PA)

NOTA PÚBLICA: Um ano do Massacre de Pau D’Arco (PA)

Nesse dia 24 de maio de 2018, completa-se um ano do assassinato de 10 trabalhadores rurais no interior da Fazenda Santa Lúcia, município de Pau D’Arco, no Pará, fato que ficou conhecido como o Massacre de Pau D’Arco. Além dos 10 mortos, dois trabalhadores saíram feridos à bala. Os crimes foram praticados por um grupo de policiais militares e civis de Redenção, sob o pretexto de cumprir 14 mandados de prisão preventiva e temporária.

Leia mais:

Covas são deixadas como ameaça a jurados de morte por madeireiros no Pará

Covas são deixadas como ameaça a jurados de morte por madeireiros no Pará

Osvalinda e Daniel Pereira são ameaçados, há mais de seis anos, por madeireiros e latifundiários da região de Trairão, município do Oeste do Pará. Após acordar, neste domingo (20), Osvalinda foi colher maracujá e encontrou, dentro de seu terreno, duas covas, com cruzes cravadas nelas. Uma para ela, outra para seu marido.

Leia mais: