COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

Integrantes das comunidades geraizeiras de Vale das Cancelas, em Minas Gerais, se reuniram para organizar o processo de resistência à implantação da mineradora SAM na região. A empresa já está com um processo de licenciamento no Governo de Minas Gerais e ameaça o território tradicional e as famílias que vivem no local.

(CPT Minas Gerais / foto: CPT Minas Gerais)

MINERAÇÃO AQUI NÃO!

No dia 30 de janeiro, as comunidades Tradicionais Geraizeiras se reuniram na Comunidade de Lamarão para refletirem e se organizarem contra a implantação da Mineradora SAM na região.

A reunião contou a presença do Frei Pedro e agentes da CPT que fazem parte da Rede Igreja e Mineração, para ajudar na discussão do problema que a comunidade enfrenta, a ameaça da Mineradora SAM que está com um processo de licenciamento no Governo de Minas Gerais para se instalar na região.

A Comunidade repudia esse modelo de desenvolvimento predatório e altamente degradador. A Região de Vale das Cancelas, desde a década de 1970, já e impactada pela monocultura de eucaliptos e escândalos históricos de grilagem de terras.

As famílias pedem ajuda para ter a garantia de poder continuar a reprodução de seu modo de vida tradicional, eles são os guardiões das águas e da preservação do cerrado.

Gostou dessa informação?

Quer contribuir para que o trabalho da CPT e a luta dos povos do campo, das águas e das florestas continue? 

Clique aqui e veja como contribuir