COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

Na manhã desta sexta-feira (08), representantes de instituições, organizações, movimentos populares e representadas das comunidades locais participaram da abertura do Comitê em Solidariedade a Brumadinho (MG), na sede da Cáritas Diocesana de Caetité, na Bahia.

 

(Texto e foto: Alfredo Baleeiro/ Levante Popular da Juventude e Cáritas Diocesana de Caetité – Edição: Comunicação CPT Bahia)

Os participantes debateram os objetivos do espaço, que além de exercer a solidariedade através de doações e contribuições para a formação de uma Caravana Regional, que vai visitar Brumadinho e se unir à Brigada Humanitária, também visa construir debates e mobilizações sobre o modelo mineral brasileiro e de que forma ele tem afetado a região no Alto Sertão da Bahia.

O Comitê conta com uma exposição de fotos, vídeos e pôsteres técnicos que explicam as contradições e problemas do modelo mineral, bem como a necessidade de construção da soberania popular na mineração.

O espaço estará aberto para visitação de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 15h às 18h, e aos sábados de 9h às 12h.

LEIA TAMBÉM: Brumadinho é Velho Chico

Pastorais realizam missão conjunta no rio Paraopeba, em Brumadinho (MG)

Entre as instituições, organizações, movimentos populares que fazem parte do Comitê, estão: Movimento pela Soberania Popular na Mineração (MAM), Cáritas Diocesana de Caetité, Comissão Pastoral da Terra (CPT) Sul/Sudoeste da Bahia e o Levante Popular da Juventude.

Gostou dessa informação?

Quer contribuir para que o trabalho da CPT e a luta dos povos do campo, das águas e das florestas continue? 

Clique aqui e veja como contribuir