COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

No dia 20/02/2006, quatro pessoas de uma mesma família foram assassinadas no Acampamento Lago Verde, em Baião (PA): Raimundo Nonato Muniz (líder do acampamento), Izaura Alves Muniz, Tatiane Alves Muniz e Tiago Alves Muniz. O ataque ocorreu pela madrugada e havia três crianças, que foram deixadas na casa em chamas e depois saíram. O crime foi cometido por cinco assassinos pertencentes à família Lucas, vizinha do acampamento e que vinha desmatando ilegalmente a área, além de intimidar rotineiramente as famílias acampadas. Anos depois, as lideranças da comunidade continuaram sendo ameaçadas de morte por pessoas interessadas no desmate ilegal da região.

Crédito dados: CEDOC Dom Tomás Balduino / CPT

Conteúdo sob licenciamento Creative Commons