COMISSÃO PASTORAL DA TERRA

 

 

 

 

Já em Minas Gerais, cerca de dez mil romeiros e romeiras de todo o Estado se encontraram em Governador Valadares, no dia 10 de junho, às margens do rio Doce e aos pés do pico da Ibituruna, para a 16ª Romaria das Águas e da Terra e 2ª Romaria Diocesana. “Das montanhas e vales férteis, brote o compromisso com a vida e a saúde de seus povos”, com esse lema eles caminharam e refl etiram sobre a mercantilização da natureza e suas consequências, como a existência de latifúndios totalmente dedicados à monocultura enquanto a agricultura familiar não encontra solo para plantar, a invasão dos territórios das comunidades tradicionais e a escassez 
de água de qualidade para a população, enquanto não falta água para a irrigação de grandes plantações. 
Os romeiros seguiram em uma marcha de quatro quilômetros pelas margens do rio Doce e assistiram o encontro da imagem de Nossa Senhora 
Aparecida, trazida de barco pelas mãos dos pescadores, com a imagem de São Francisco de Assis. Após a celebração 
eucarística presidida pelo bispo de Governador Valadares, Dom Werner Siebenbrock, com a presença de Dom 
Aloísio Vitral, de Teófi lo Otoni (MG), foram distribuídos brotos de mandiocapara simbolizar a resistência do camponês

 

Gostou dessa informação?

Quer contribuir para que o trabalho da CPT e a luta dos povos do campo, das águas e das florestas continue? 

Clique aqui e veja como contribuir