Notícias

Xavante ocupam fazenda em Mato Grosso

Cerca de 125 índios xavantes ocupam a fazenda Oeste, em Alto Boa Vista, região do baixo Araguaia, interior de Mato Grosso. Os indígenas reivindicam a terra Maraiwatsede, ocupada por fazendeiros há mais de quatro décadas. Eles alegam que a recente invasão ocorreu porque a terra estaria sendo arrendada para outras pessoas formarem mais pasto.



A disputa pela terra é um das mais antigas do Brasil. Na década de 60, os índios xavantes foram retirados da área e levados para uma aldeia distante 400 km da região, com ajuda do governo federal. Desocupada, a terra dos índios foi vendida. Mas a justiça reconheceu o direito dos xavantes ocuparem a reserva, tida como sagrada. Só que os fazendeiros permanecem no local com ajuda de recursos que suspendem a decisão judicial.

O cacique Damião Paradzane disse que só vão deixar a fazenda após conversar com representantes Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). O coordenador regional da Fundação Nacional do Índio (Funai), Denivaldo da Rocha, que está no local, informou que representantes do Incra devem chegar ainda esta semana na reserva. 



Gostou dessa informação?

Quer contribuir para que o trabalho da CPT e a luta dos povos do campo, das águas e das florestas continue? 

Clique aqui e veja como contribuir